BUENOS AIRES

Buenos Aires / PE, Brasil
Cobenefício Principal
Bem Estar do Trabalhador
Cobenefícios relacionados
Tipo de projeto
Recursos Humanos
Ecossistema
Caatinga
Standards
SOCIALCARBON® | The Gold Standard®
Registro
Gold Standard Registry

Projeto Buenos Aires: quando créditos de carbono tem tudo a ver com a conservação da Caatinga

 

A pequena cidade de Buenos Aires, no interior de Pernambuco, tem cerca de 13 mil habitantes e carece de acesso a serviços básicos de saúde e educação. Apenas 5% da força de trabalho da comunidade é ativa e a remuneração média desses trabalhadores fica abaixo de 2 salários mínimos.

É nesse contexto social que está presente a Cerâmica Buenos Aires, protagonista de um dos projetos de créditos de carbono de sucesso acompanhados pela Sustainable Carbon.

No início, a fábrica utilizava lenha nativa do bioma da Caatinga como combustível para produzir peças cerâmicas. A fim de reduzir o impacto ambiental, fábrica investiu em equipamentos que possibilitam a alimentação dos fornos com biomassa renovável, como glicerina, algaroba e lenha de plano de manejo. Com essa mudança, a produção reduziu a emissão de gases de efeito estufa para a atmosfera e começou a gerar créditos de carbono.

Primeiramente, o projeto foi desenvolvido sob os standards VCS + SOCIALCARBON (entre 2010 e 2012), depois migrou para o Gold Standard e agora está em transição para o Gold Standard for Global Goals, seguindo as atualizações desse padrão.

Atualização em 2020

 

A 2ª verificação do projeto no Gold Standard está sendo concluída em 2020, finalizando seu período creditício após 10 anos. Durante esse período, o projeto reduziu o desmatamento de 1.970 hectares e com isso evitou a emissão de 132,953 toneladas de gases de efeito estufa para a atmosfera.

A venda dos créditos para empresas e governos que desejam compensar suas emissões promove o reinvestimento dos recursos em bem-estar e segurança para os funcionários e também benefícios sociais para a comunidade de Buenos Aires.

A Cerâmica garante o correto uso dos equipamentos de proteção individual e coloca em prática programas de saúde ocupacional. “A gente acredita que funcionário bom e alegre é aquele com saúde, e nós aqui primamos pela saúde dos funcionários” afirma Sr. Oliva, gerente da Cerâmica.

Entre funcionários e fornecedores são mais de 110 famílias beneficiadas diretamente pelas atividades do projeto, além do impacto indireto a partir das doações feitas para instituições de educação e esporte da região, como o patrocínio de time de futebol e de grupo de cultura folclórica pernambucana.

O projeto de créditos de carbono na Cerâmica Buenos Aires contribui com os seguintes Objetivos do Desenvolvimento Sustentável:

 

 

Descrição do Projeto

Buenos Aires é uma Cerâmica produtora de tijolos do interior de Pernambuco. A fábrica utilizava lenha nativa da Caatinga, bioma exclusivamente brasileiro, como combustível para produzir peças cerâmicas. Para reduzir seu impacto ambiental, em 2010, a fábrica optou por tornar sua produção mais sustentável.Assim, interrompeu o uso de lenha nativa e investiu em equipamentos que possibilitam a alimentação dos fornos com biomassa renovável, tais como glicerina, algaroba e lenha de plano de manejo.Além disso, as Cerâmicas envolvem e incentivam a participação das partes interessadas, por meio de consultas públicas. O projeto segue o padrão The Gold Standard®, apoiado pela WWF, que, atualmente, é a certificação mais rigorosa a nível mundial para projetos de redução de emissão de GEEs. Download PDF

Para onde vai seu dinheiro?

Ao comprar créditos de carbono deste projeto você está apoiando, patrocinando, financiando e tornando possível a redução de emissão de gases efeito estufa e diversas iniciativas no ambito social, ambiental e econômico como as seguintes:

Benefícios sociais

  • Consulta pública: Realização de reuniões com a presença de membros da comunidade e organizações para esclarecer o projeto e fornecer uma oportunidade para que as partes interessadas discutissem e opinassem sobre o projeto.
  • Apoio à cultura e lazer na comunidade: Patrocínio de time de futebol e de grupo de cultura folclórica pernambucana.

Benefícios ambientais

  • Redução da pressão sobre o bioma Caatinga: Reflorestamento de eucalipto com plano de manejo sustentável.
  • Aprimoramento da gestão ambiental no processo produtivo: Monitoramento das emissões atmosféricas.
  • Gestão econômica dos recursos: Instalação de telhas translúcidas para reduzir o consumo de energia elétrica.

Benefícios econômicos

  • Foco na competitividade: A cerâmica vem intensificando o controle de qualidade dos produtos para se consolidar como marca diferencial
  • Desenvolvimento tecnológico: Investimento em tecnologias que representam melhores práticas tecnológicas do setor, como equipamentos para automatização do processo produtivo.
Quantidade de CO2e 132,953
Nº pessoas beneficiadas 110
Hectares de floresta protegidos 1.970