Dori Alimentos - Sustainable Carbon
Mata Atlântica

Dori Alimentos

Bem Estar do Trabalhador

Assista ao video
do projeto

CONTRIBUIÇÃO PARA
OS OBJETIVOS DO
DESENVOLVIMENTO
SUSTENTÁVEL

Acesse o registro deste projeto

Acesse o registro deste projeto

CONTRIBUIÇÃO PARA
OS OBJETIVOS DO
DESENVOLVIMENTO
SUSTENTÁVEL

DESCRIÇÃO DO PROJETO

A Dori Alimentos é uma indústria paulista que por décadas utilizou o óleo xisto como combustível nas caldeiras da fábrica para a produção de amendoim, balas e outros confeitos. O óleo xisto é uma fonte de grande emissão de gases causadores do efeito estufa e, por esta razão, em 2006, determinada a reduzir seu impacto ambiental, a empresa substituiu o óleo xisto, um combustível fóssil, por biomassa renovável. A troca mencionada, além de reduzir as emissões, gerou créditos de carbono e uma produção mais limpa.


Baixe a descrição em PDF

Localização

Localização do projeto

Marília (SP) e Rolândia (PR), Brasil

Tipo de projeto

Biomassa Renovável

Ecossistema

Mata Atlântica

Cobenefício Principal

Bem Estar do Trabalhador

Standards

VCS

Registro

Verra Registry

Após muitos investimentos a Dori alcançou uma produção mais limpa. A fábrica produz parte do combustível utilizado no processo produtivo, por meio do plantio de eucalipto no Sítio Ouro Verde. As cinzas provenientes da queima do eucalipto são utilizadas como adubo nos plantios, pois são ricas em potássio e fósforo. Além disso, toda água residual do processo da Dori, é tratada e reutilizada na forma de irrigação dos plantios.

Benefícios adicionais gerados por este projeto

219.965

Quantidade de CO2e

0

Nº pessoas beneficiadas

Desempenho sob o SOCIALCARBON Standard

O Hexágono demonstra a melhoria contínua do projeto durante todos os períodos de verificação, o Standard do Carbono Social incentiva o reinvestimento de parte da renda proveniente dos créditos de carbono em benefícios socioambientais, mantendo conformidade com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU. Muito além do carbono, é igualdade social.

“A Dori é uma empresa que realmente leva a sustentabilidade como um dos pilares de seu crescimento!”

— Juliano (Químico ambiental da Dori)

MAIS PROJETOS
DE CARBONO

Arrozal, GGP e Sul América

As Cerâmicas Arrozal, GGP e Sul América, localizadas no estado do Rio de Janeiro, utilizavam óleo pesado (BPF) como combustível para queima das peças. Esse óleo é um combustível fóssil derivado de petróleo, que durante ...

Ler mais

Cavalcante

A Cerâmica Cavalcante é uma fábrica de tijolos vermelhos localizada em São Miguel do Guamá (PA), região Norte do Brasil. A fábrica alimentava os fornos com 1.700 m3 / mês de madeira extraída da Amazônia, ...

Ler mais

Nova Dutra, São Silvestre e Vila Nova

As Cerâmicas Nova Dutra, São Silvestre e Vila Nova, localizadas no estado do Rio de Janeiro, utilizavam óleo pesado (BPF) como combustível para queima das peças. Esse óleo é um combustível fóssil derivado de petróleo, ...

Ler mais