Ceará - Sustainable Carbon
Caatinga

Ceará

Água

Assista ao video
do projeto

CONTRIBUIÇÃO PARA
OS OBJETIVOS DO
DESENVOLVIMENTO
SUSTENTÁVEL

Acesse o registro deste projeto

Acesse o registro deste projeto

CONTRIBUIÇÃO PARA
OS OBJETIVOS DO
DESENVOLVIMENTO
SUSTENTÁVEL

DESCRIÇÃO DO PROJETO

O projeto é composto por cinco Cerâmicas do Grupo Tavares: Antônio, Eliane, Ceará, Ceagra e Santa Rita. Todas as fábricas estão localizadas na região nordeste do Brasil, no estado do Ceará. O foco do projeto é permitir a substituição da lenha nativa (biomassa lenhosa não renovável) por diversas biomassas renováveis. A troca de combustível resulta na redução de emissão de gases de efeito estufa e desencoraja o desmatamento para obtenção de lenha. Além disso, as Cerâmicas envolvem e incentivam a participação das partes interessadas, através de consultas públicas. O projeto segue o padrão The Gold Standard®, apoiado pela WWF (World Wide Fund for Nature), que, atualmente, é a certificação mais rigorosa a nível mundial para projetos de redução de emissão de GEEs.


Baixe a descrição em PDF

Localização

Localização do projeto

Aquiraz (CE), Brasil

Tipo de projeto

Biomassa Renovável

Ecossistema

Caatinga

Cobenefício Principal

Água

Standards

The Gold Standard®

Registro

Gold Standard Registry

PARCERIA NO REUSO DA ÁGUA

Em 2014, o Grupo Tavares em busca de parceiros para produzir de maneira mais sustentável, iniciou um projeto de reutilização de águas industriais. A água utilizada hoje no processo produtivo de uma das Cerâmicas do grupo é proveniente da empresa AMBEV. O efluente industrial tratado da AMBEV é levado à Cerâmica por meio de caminhões e despejado em um reservatório na Cerâmica. O projeto prevê a ligação da empresa com a Cerâmica por tubulações, para facilitar o transporte da água até a fábrica e evitar desperdícios. “É uma parceria muito boa, pois um ajuda o outro, é benéfico para ambos os lados ” afirma o Sr. Lourival, sócio-diretor do Grupo Tavares, que planeja ampliar essa iniciativa para as outras cerâmicas do grupo.

THE GOLD STANDARD

O Gold Standard foi estabelecido em 2003 pela WWF e outras ONGs internacionais para garantir que os projetos que reduziram as emissões de carbono apresentassem os mais altos níveis de integridade ambiental e também contribuíssem para o desenvolvimento sustentável. Com isso garante-se que os projetos que utilizem o Standard atendam aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, maximizando o impacto e criando valor para as pessoas e comunidades envolvidas.

Gold Standard Logo
"Conhecemos e apoiamos os projetos da Sustainable Carbon há 5 anos, incluindo visitas presenciais, o que nos permitiu comprovar a alta qualidade dos projetos e os impactos relevantes que eles têm sobre o clima, o meio ambiente e a comunidade."

— Simon Köppen (Head of Carbon Offset Services na ClimatePartner)

MAIS PROJETOS
DE CARBONO

Arrozal, GGP e Sul América

As Cerâmicas Arrozal, GGP e Sul América, localizadas no estado do Rio de Janeiro, utilizavam óleo pesado (BPF) como combustível para queima das peças. Esse óleo é um combustível fóssil derivado de petróleo, que durante ...

Ler mais

Kitambar

Kitambar é uma pequena empresa produtora de tijolos e telhas localizada na região agreste, no município de Caruaru (PE). A fábrica utilizava lenha nativa da Caatinga, bioma exclusivamente brasileiro, como combustível para produzir peças cerâmicas. ...

Ler mais

Cavalcante

A Cerâmica Cavalcante é uma fábrica de tijolos vermelhos localizada em São Miguel do Guamá (PA), região Norte do Brasil. A fábrica alimentava os fornos com 1.700 m3 / mês de madeira extraída da Amazônia, ...

Ler mais