Blog

Falha em agir no clima é maior risco para a humanidade, diz Davos

O risco mais imediato pairando sobre a humanidade em nos próximos dez anos são os eventos extremos causados pela crise do clima. E o risco de maior impacto pairando sobre a humanidade em 2020 é a falha em agir contra a crise do clima. O recado foi dado por um milhar de líderes políticos, empresariais, acadêmicos e jovens do mundo inteiro, na última edição do relatório que deu o tom do Fórum Econômico Mundial, que ocorreu em janeiro em Davos, Suíça.

Pela primeira vez desde que o Global Risk Report começou a ser publicado, em 2007, fatores ambientais dominam a lista dos principais riscos à estabilidade e à economia global. Dos cinco principais riscos mais prováveis, quatro são relacionados diretamente com a crise do clima, e um – a perda de biodiversidade – é por ela agravado. Dos cinco riscos de maior impacto potencial, apenas um (a proliferação de armas de destruição em massa) não tem relação com o clima.

Segundo o Global Risk Report, o mundo em 2020 é “intranquilo”, com a incerteza geopolítica causada pelo estranhamento entre EUA e China dando o tom das relações entre os países. Enquanto o mundo prende a respiração, os fundamentos do sistema econômico começam a naufragar e o mundo assiste a taxas baixas de crescimento, como os pífios 3% esperados para 2019 pelo FMI.

“A mudança climática está atingindo o mundo de forma mais dura e mais depressa do que se previa”, afirma o relatório. “As consequências no curto prazo perfazem uma emergência planetária. As implicações são catastróficas, amplas e intercruzadas. Pior ainda, a complexidade do sistema climático implica em que alguns impactos ainda sejam desconhecidos.”

 

Fonte: http://www.observatoriodoclima.eco.br/falha-em-agir-no-clima-e-maior-risco-para-humanidade-diz-davos/