Blog

COP 25: ‘ponto sem retorno’ a vista

Líderes políticos e diplomatas do clima estão se reunindo em Madrid por duas semanas em conversas em meio a um crescente sentimento de crise. A temperatura média da superfície da terra está aumentando rapidamente por causa das atividades humanas, que lançam gases de efeito estufa, como o dióxido de carbono (CO2). Esses gases seguram o calor na atmosfera, semelhante ao teto de vidro de uma estufa. 

A reunião tem o objetivo de aumentar a ambição, para que todos os países aumentem os compromissos para cortar emissões. A reunião segue os resultados dos últimos três relatórios da ONU, que aumentaram a urgência de limitar mudanças perigosas. 

“Nos 12 meses cruciais, é essencial garantirmos compromissos nacionais mais ambiciosos – principalmente dos maiores emissores – para começar imediatamente a reduzir as emissões de gases de efeito estufa a um ritmo consistente para atingir a neutralidade de carbono em 2050”, diz António Guterres, secretário geral da ONU.  

Essa reunião em Madrir sinaliza o início de 12 meses frenéticos de negociações que culminarão em Glasgow na COP 26 em Novembro do próximo ano. São esperados 50 líderes na reunião na capital espanhola – mas o presidente americano Donald Trump não estará entre eles. De toda forma, a presidente da Câmara dos Deputados, Nancy Pelosi, participará da conferência com uma delegação do congresso americano. 

Fonte: https://www.bbc.com/news/science-environment-50614518